- PUBLICIDADE -

Deputado quer processar oficiais do FBI e DOJ por traição

- PUBLICIDADE -

Em carta publicada na sexta-feira (02/02), o deputado republicado do Arizona, Paul Gosar, anunciou que entrará com processo penal contra funcionários do FBI e do Departamento de Justiça por atos de “traição” apresentados no memorando divulgado dias atrás pelo Congresso.

O deputado Paul Gosar publicou uma declaração oficial em seu perfil verificado no Twitter.

“O FBI, conscientemente, aceitou informações falsas do Comitê Nacional Democrata e da campanha de Hillary Clinton e depois usou isso para espionar Donald Trump com objetivo de ferir sua campanha”, escreveu Gosar.

O deputado citou os nomes de James Comey, Andrew McCabe, Sally Yates e Rod Rosenstein e declarou que as ações deles “não foram apenas criminosas, mas constituem traição“.

Paul Gosar revelou que entraria com “ação criminal contra esses traidores da nossa nação“.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -