Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Deputados pró-Bolsonaro obtêm liminar contra decisão de Witzel

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Deputados pró-Bolsonaro obtêm liminar contra decisão de Witzel
Imagem: Tomaz Silva/Agência EBC
COMPARTILHE

Witzel tentou tirar seguranças de deputados. A movimentação foi classificada como “ato de covardia” por opositores. 

Wilson Witzel, governador do Rio de Janeiro, chamou de volta 14 agentes de segurança que estavam cedidos para  fazer a segurança de deputados estaduais alinhados ao presidente da República, Jair Bolsonaro

A Secretaria da Casa Civil publicou o ato no Diário Oficial do Estado na última sexta-feira (22).

Deputados afetados pela decisão disseram que a medida foi uma retaliação do governador aos comentários recentes de Bolsonaro, que acusou Witzel de usar a investigação do assassinato da ex-vereadora Marielle Franco para atacar sua família.

No entanto, em mensagem no Twitter, na noite deste domingo (24), o deputado estadual Dr. Serginho, líder da bancada do PSL na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), disse que trabalhou “durante o final de semana e obtive liminar afastando essa ato de covardia”.

Já o deputado federal Carlos Jordy, também do PSL, disse o Dr. Serginho conseguiu “impedir a decisão tirânica do Governador de retirar os seguranças dos deputados leais ao Presidente”.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.