Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Desaparecimento de ex-diplomata canadense na China levanta rumores de retaliação

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Desaparecimento de ex-diplomata canadense na China levanta rumores de retaliação

Um ex-diplomata canadense que trabalha para o International Crisis Group está desaparecido na China.

A notícia pode complicar ainda mais um já tenso impasse diplomático pela prisão da executiva da empresa de tecnologia chinesa Huawei em Vancouver, na semana passada.

Michael Kovrig é um ex-diplomata canadense que trabalha em Pequim. Desde fevereiro de 2017, ele trabalha para o International Crisis Group, organização não-governamental voltada à resolução e prevenção de conflitos armados internacionais, cobrindo questões de segurança no nordeste da Ásia. Ele frequentemente conversa com a imprensa sobre suas pesquisas, inclusive com o “Washington Post“.

Em comunicado, o instituto escreveu:

O International Crisis Group está ciente dos relatos de que Michael Kovrig, conselheiro sênior para o Nordeste da Ásia, foi detido na China. Estamos fazendo todo o possível para garantir informações adicionais sobre o paradeiro de Michael, bem como sua liberação imediata e segura.

Ainda não está claro se o caso de Kovrig está, de alguma forma, ligado ao impasse diplomático entre o Canadá e a China pela prisão da chefe de operações da gigante chinesa de telecomunicações Huawei, Meng Wanzhou.

Ela foi detida pelas autoridades canadenses enquanto estava em Vancouver na semana passada e corre o risco de ser extraditada para os Estados Unidos sob acusação de ter violado sanções contra o Irã, conforme noticiou a Renova.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email