- PUBLICIDADE -

Descoberta feita no Brasil é capa da Nature

Descoberta feita no Brasil é capa da Nature
- PUBLICIDADE -

Estudo pode ser mais uma pista para descobrirmos quem são os ancestrais mais antigos das aves.

Ixalerpeton polesinensis é um animal pré-histórico que viveu há cerca de 230 milhões de anos na região central do Rio Grande do Sul

A espécie estampou a capa da edição de dezembro da Nature, uma das maiores revistas científicas do mundo. 

Este lagerpetídeo foi o primeiro réptil deste tipo a ser encontrado no Brasil

Há dez anos, pesquisadores de países como Estados Unidos, Argentina, Brasil e Reino Unido trabalham no sítio arqueológico Buriol para estudar o animal.  

Partes do fóssil foram encontradas em bom estado, mas desarticuladas.  

Ixalerpeton polesinensis 

Mesmo assim, foi possível observar as semelhanças do lagerpetídeo com o pteurossauro, que supostamente seria seu parente mais próximo. 

Os pesquisadores apresentaram informações anatômicas de todo o esqueleto que demonstram que os lagerpetídeos são os parentes evolutivos mais próximos dos pterossauros. 

Apesar de o pteurossauro ter habilidade de voo, o lagerpetídeo não tem.  

No entanto, a presença de um sistema de equilíbrio, metabolismo rápido e labirinto ósseo no ouvido no seu fóssil indicam sua ancestralidade com o réptil voador. 

Ixalerpeton polesinensis 
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -