Português   English   Español

Dinamarca vai enviar criminosos estrangeiros para ilha remota

O governo da Dinamarca anunciou que criminosos estrangeiros condenados à deportação serão banidos para uma ilha remota na costa do País.

O ministro das Finanças, Kristian Jensen, disse que os criminosos ficarão presos em uma instalação em Lindholm, uma ilha inabitada de sete hectares na província de Vordingborg, registra o jornal britânico Telegraph.

O novo esquema de segurança foi criado como parte de um acordo entre o governo de coalizão conservador da Dinamarca e seu aliado anti-imigração, o Partido do Povo Dinamarquês (DF).

Um porta-voz do partido DF declarou:

Os criminosos estrangeiros não têm motivos para estar na Dinamarca. Até que possamos nos livrar deles, vamos levá-los para a ilha de Lindholm, onde eles serão obrigados a ficar no novo centro de detenção.

A prisão na ilha de Lindholm abrigará imigrantes com pedidos de asilo rejeitados que foram condenados por crimes, assim como cidadãos estrangeiros que não têm permissão para ficar, mas não podem ser deportados por razões legais.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter