Português   English   Español

Partido de direita AfD é a segunda força política da Alemanha

O partido de direita anti-globalista Alternativa para a Alemanha (AfD) superou o Partido Social-Democrata (SPD), o mais antigo do país, pela primeira vez em uma pesquisa de opinião nacional, despontando como a segunda força política da Alemanha, atrás apenas da legenda da chanceler Angela Merkel.

De acordo com informações do jornal alemão DW:

A sondagem, feita pelo instituto Insa e divulgada nesta segunda-feira (19/02) pelo jornal Bild, apontou que, se eleições gerais fossem realizadas no país no próximo domingo, a AfD receberia 16% dos votos. Nas eleições em setembro do ano passado, o apoio para os populistas foi de 12,6%.

O SPD, por sua vez, levaria 15,5% dos votos, o que corresponde ao nível mais baixo de apoio para o partido desde 2012, quando a sondagem começou a ser realizada. Em setembro, o SPD ficou em segundo lugar no pleito, com 20,5% dos votos, seu pior resultado da história em eleições federais.

Já o bloco conservador liderado por Merkel – a União Democrata Cristã (CDU) e seu aliado bávaro, União Social Cristã (CSU) – alcançaria um apoio de 32% se novas eleições fossem realizadas agora, um índice abaixo do conquistado em setembro, que fora de 33%.

Atrás dessas legendas, mas ainda conseguindo assentos no Parlamento, surgem o Partido Verde, com 13% dos votos, A Esquerda, com 11%, e o Partido Liberal Democrático (FDP), com 9%.

Ao publicar a pesquisa, o jornal Bild descreveu o resultado como “um golpe amargo para o SPD”. Para o diretor do Insa, Hermann Binkert, por sua vez, a sondagem mostrou que “o bloco conservador é atualmente o único partido verdadeiramente popular” na Alemanha.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter