Direita quebra hegemonia socialista e avança na Espanha

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O partido direitista espanhol Vox entrou neste domingo (2) com força no Parlamento regional da Andaluzia.

Nas eleições deste domingo (2), os partidos conservadores quebraram pela primeira vez a hegemonia do socialismo na região da Andaluzia, o que representa um golpe para o chefe de governo espanhol, Pedro Sánchez.

Superando todas as expectativas, que lhe davam um máximo de cinco dos 109 deputados na câmara regional, o Vox conquistou 12 cadeiras e 11% dos votos, segundo a apuração quase total das cédulas, informa a agência AFP.

Para os veículos da grande mídia, o Vox é um partido de “extrema direita”. Portanto, esta seria a primeira vez que uma legenda deste tipo entra em um parlamento regional na Espanha desde a morte de Francisco Franco, em 1975.

“O Vox triunfa na Andaluzia! Doze cadeiras e o fim do regime socialista”, publicou no Twitter o partido, nascido no fim de 2013, que fez campanha contra os separatistas da Catalunha, a imigração ilegal e o feminismo.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.