- PUBLICIDADE -

Disputa nas ruas da Venezuela entre opositores e militantes pró-Maduro

Disputa nas ruas da Venezuela entre opositores e militantes pró-Maduro

- PUBLICIDADE -

A oposição venezuelana sairá às ruas nesta quarta-feira (23) para exigir que Nicolás Maduro abandone seu projeto de “usurpação do poder”.

Enquanto isso, a ditadura de Nicolás Maduro mobilizará seus seguidores para se manifestar contra o que chama de golpe de Estado orquestrado pelos Estados Unidos.

Na terça-feira (22), o vice-presidente norte-americano, Mike Pence, apresentou seu apoio à Assembleia Nacional e aos protestos convocados pelo líder opositor Juan Guaidó. “Estamos com vocês”, disse Pence, como noticiou a RENOVA.

Sob forte pressão externa e, após a breve rebelião de um grupo de soldados em Cotiza, agora interna, o regime chavista e a oposição terão seu primeiro grande confronto nas ruas após as manifestações que deixaram centenas de mortos entre abril e julho de 2017.

Às vésperas da marcha, cerca de 30 pequenos protestos foram registrados em setores populares de Caracas e arredores, com bloqueios de ruas, saques a estabelecimentos comerciais, panelaços e confrontos com autoridades, segundo a ONG Observatório de Conflito Social.

Uma estátua do antecessor de Maduro no comando da Venezuela, Hugo Chávez, foi queimada na madrugada desta quarta-feira (23), em Sán Felix, no Estado de Bolívar, por manifestantes, conforme noticiou a RENOVA.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -