Português   English   Español

Ditadura da Nicarágua admite prisão de 273 cidadãos por protestar

Ditadura da Nicarágua admite prisão de 273 cidadãos por protestar

A maioria dos detidos estão sendo processados por terrorismo apenas pelo fato de ter participado de protestos contra a ditadura de Daniel Ortega, na Nicarágua.

A Nicarágua implementou em julho uma lei que criminaliza os manifestantes como “terroristas”, com penas de até 20 anos de prisão.

A ditadura nicaraguense reconheceu na última segunda-feira (6) a existência de 273 presos por participarem desde abril de protestos contra o ditador Daniel Ortega.

A maioria dos detidos estão sendo processados por terrorismo, crime organizado ou outros delitos como porte ilegal de armas, assassinato ou sequestro, atribuídos pela Procuradoria por sua participação em protestos contra o governo.

 

Adaptado da fonte Correio Braziliense

Deixe seu comentário

Veja também...