Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Ditadura diz que Guaidó está escondido na embaixada da França

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Guaidó tenta impulsionar mudança de regime na Venezuela

“Nós não podemos entrar em uma residência de uma embaixada de qualquer país”, lamentou chanceler.

Jorge Arreaza, chanceler da Venezuela, afirmou, nesta quinta-feira (4), que o presidente interino Juan Guaidó está escondido na embaixada da França em Caracas.

A declaração de Arreaza acontece três dias depois de o ditador Nicolás Maduro insinuar que o dirigente parlamentar estaria “escondido” em uma sede diplomática.

Em entrevista¹ a uma rádio francesa, Arreaza declarou:

“Nós não podemos entrar em uma residência de uma embaixada de qualquer país, neste caso, da Espanha ou da França, e que a Justiça os leve à força. Não podemos, não podemos.”

O chanceler citou a Espanha porque a residência do principal diplomata espanhol no país é o local onde o mentor de Guaidó, Leopoldo López, está hospedado há mais de um ano.

Já na manhã desta sexta-feira (5), o governo Emmanuel Macron negou ter conhecimento do paradeiro de Guaidó, enfatizando² que o mesmo não se encontra em suas dependências diplomáticas.

Referências: [1][2]

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email