Português   English   Español
Português   English   Español

Ditadura Maduro acusa EUA de usar outros países para desestabilizar a Venezuela

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Ditadura Maduro acusa EUA de usar outros países para desestabilizar a Venezuela

A ditadura Maduro declarou que os EUA utilizam nações da região para atacar e desestabilizar as instituições e a “democracia” da Venezuela.

Em anúncio divulgado através de um comunicado, a chancelaria da Venezuela afirmou:

“O Governo da República da Venezuela considera necessário tornar do conhecimento do povo venezuelano e da comunidade internacional que se continua o ataque de um grupo governos satélites, subordinados aos planos imperialistas estadunidenses, que alimentam o objetivo obsessivo de pôr em marcha um cenário desestabilizador contra a legítima institucionalidade democrática venezuelana.”

No texto, a ditadura de Nicolás Maduro repudia que os governos da Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Colômbia, Costa Rica, Guatemala, Honduras, Panamá, Paraguai e Peru emitiram declarações e comunicados contra as instituições do país.

Segundo o “Sputnik“, o comunicado do regime da Venezuela acrescentou:

“Além do absurdo desse procedimento e da sua insólita falta de rigor e adesão ao direito internacional, é um objeto de preocupação que esses comportamentos hesitantes sejam a resposta às repreensões recebidas do governo dos Estados Unidos por terem oferecido a retificação exigida pelo presidente constitucional da República Bolivariana da Venezuela, Nicolás Maduro.”

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Veja também_

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.