Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Ditadura Maduro dá golpe em autonomia das universidades

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Ditadura Maduro dá golpe em autonomia das universidades

Ditadura chavista ordenou que as instituições de ensino superior, centros de oposição a Maduro, realizem eleições para renovação de reitores.

O Supremo Tribunal de Justiça (TSJ), controlado pelo ditador Nicolás Maduro, ordenou, na última terça-feira (27), que os dirigentes da Universidade Central da Venezuela (UCV) realizem eleições para seus órgãos administrativos até os próximos seis meses.

O TSJ também estabeleceu diretrizes para a eleição de autoridades universitárias em outras instituições de ensino superior da Venezuela cujos órgãos administrativos tenham excedido o período para o qual foram eleitos.

A decisão do TSJ determina que o Conselho Nacional de Universidades estabeleça um calendário para a realização das eleições dos reitores, informa O Globo.

A decisão concede o posto de “setor eleitoral universitário” não apenas a professores, estudantes e graduados, mas também a funcionários administrativos e trabalhadores.

A decisão judicial tem sido criticada pela oposição, uma vez que representa um golpe que retira a autonomia de que gozam as instituições de ensino, prevista na Constituição.

A direção das universidades nacionais era considerada um dos últimos redutos de oposição ao chavismo.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email