PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Ditadura Maduro prende líder opositor e sequestra Guaidó

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Guevara, um ex-líder estudantil de 35 anos, foi acusado de incentivar a violência.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O opositor Freddy Guevara, que era deputado do Parlamento da Venezuela presidido por Juan Guaidó, foi interceptado por membros da ditadura de Nicolás Maduro na tarde desta segunda-feira (12).

Guaidó, por sua vez, disse ter sido “sequestrado momentaneamente” por oficiais de segurança em sua residência na capital Caracas.

Um vídeo compartilhado nas redes sociais mostra o momento em que o veículo de Guaidó é abordado por supostos membros das forças de segurança.

Em conversa com jornalistas após o ocorrido, Guaidó disse que Guevara “continua desaparecido”:

“Grupos armados, e não posso falar do Estado pois não tinham identificação, com armas longas, interceptaram nosso veículo, minutos depois de fazerem o mesmo com Freddy.”

Guevara anunciou o ocorrido nas redes sociais de dentro de seu carro, quando foi interceptado por supostos policiais:

“Força, saudações à minha família, lamento muito que vocês tenham que passar por esse sofrimento, espero que seja breve.”

O regime chavista vinculou Guevara e seu padrinho político, Leopoldo López, aos violentos confrontos da semana passada em um bairro de Caracas, que deixaram pelo menos 26 mortos.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.