Do hospital, Bolsonaro nega rumores de divisão na campanha

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, continua internado na UTI do hospital Albert Einstein após passar por um novo procedimento cirúrgico na noite de quarta-feira (12).

A campanha presidencial de Jair Bolsonaro está em processo de adaptação após o atentado sofrido em Juiz de Fora, no estado de Minas Gerais.

O entra e sai no quarto do candidato do PSL teve que ser reduzido após a cirurgia de urgência no fim da noite de quarta-feira (12). Apenas a família e o núcleo do partido continuam com acesso direito a Bolsonaro.

A equipe médica acredita que o novo procedimento cirúrgico praticamente tirou Bolsonaro da campanha presidencial, inclusive no segundo turno. Planos estão sendo feitos para suprir a ausência do candidato nas ruas e nos debates. Enquanto isso, como de costume, a imprensa segue fazendo conjecturas.

A imagem do general da reserva Hamilton Mourão (PRTB) começou a aparecer com mais intensidade nas edições dos jornais, principalmente após o bom desempenho do militar em uma sabatina na GloboNews dias atrás.

“Desde o início sabíamos que a caminhada não seria fácil por isso formamos um time sólido”, declarou Bolsonaro na noite de quinta-feira (13), em uma tentativa de conter os rumores sobre divisões dentro da sua campanha presidencial.

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações