PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Dodge pediu ao STF para derrubar decretos de Bolsonaro sobre armas

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Antes de deixar o cargo, Dodge agiu contra decretos de Bolsonaro para alterar regras sobre posse e porte de armas.

Em seu último dia à frente da Procuradoria-Geral da República, Raquel Dodge pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para derrubar todos os decretos do presidente da República, Jair Bolsonaro, que tornaram mais flexíveis as exigências para a posse e o porte de armas.

Dodge se manifestou, nesta terça-feira (17), a favor de ações apresentadas ao STF pelos partidos Rede Sustentabilidade e PSOL que visam barrar os decretos.

A relatora das ações é a ministra Rosa Weber. Não há uma data prevista para o julgamento deste caso.

Ao todo, neste ano, Bolsonaro editou sete decretos para facilitar o acesso a armas. De acordo com Dodge, três ainda estão em vigor:

“Os três decretos atualmente vigentes mantiveram, em grande parte, as inconstitucionalidades apontadas.”

Segundo o site G1, a agora ex-PGR acrescentou:

“Em outras palavras, os novos decretos extrapolaram a função regulamentadora e invadiram campo reservado à lei.”

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.