- PUBLICIDADE -

Doria pede à Europa para aceitar vacinados com CoronaVac

Tucanos incomodados com serie de ataques de Doria contra Bolsonaro
Imagem: JOÃO ALVAREZ/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
- PUBLICIDADE -

Doria quer reabrir o fluxo de pessoas vacinadas entre o Brasil e os países da UE.

O governador João Doria (PSDB), de São Paulo, enviou uma carta, nesta terça-feira (1º), à Comissão Europeia após o aval da Organização Mundial da Saúde (OMS) ao imunizante CoronaVac, produzido no Instituto Butantan.

No texto, Doria compartilha a experiência de sucesso do desenvolvimento da vacina, em parceria com a China, e coloca seu governo à disposição dos europeus para fornecer informações.

O governador disse que a Europa pode comprovar “o alto padrão da vacina produzida no Brasil”. 

Um dos objetivos de Doria com a carta é reabrir o fluxo de pessoas vacinadas entre o Brasil e os países da União Europeia nessa nova fase pós-vacinação.

O documento foi enviado ao presidente do Parlamento Europeu, David Sassoli, e à condutora da Comissão Europeia, Ursula Von Der Leyen.

Doria destacou que a CoronaVac responde por 50 milhões de doses e por 25 milhões de pessoas vacinadas em território brasileiro. 

A segurança e eficácia da CoronaVac são compravodas por todos os estudos realizados”, acrescenta o governador. Confira a íntegra da carta enviada por Doria.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -