Duterte diz que Igreja Católica desaparecerá em até 25 anos

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Em discurso inflamado e cheio de palavrões, o presidente das Filipinas atacou mais uma vez a Igreja Católica Romana.

Rodrigo Duterte garantiu que a Igreja Católica não sobreviverá por muito tempo com todas as controvérsias em torno de seu clero.

Durante discurso na última segunda-feira (25), na capital Manila, segundo o Sputnik, Duterte afirmou:

“Essa Igreja Católica desaparecerá. Em até 25 anos, desaparecerá. As pessoas vão esquecer isso.”

Falando em um evento público na capital do país, o presidente das Filipinas alertou que a igreja enfrentará seu fim como resultado da série de casos de abuso sexual e corrupção dentro da instituição:

“As pessoas não esquecem os caminhos do clero católico. Quando eles ficam com tesão, os filhos dos filhos, eles vão atrás de freiras. Se eles são gays, eles vão atrás de garotos jovens. Quem precisa de uma religião assim?”

Os padres católicos irritaram profundamente o presidente Duterte por conta da postura contrária à política de repressão às drogas.

Apesar das duras críticas do presidente, mais de 80% dos filipinos se identificam como católicos romanos, e a igreja continua sendo muito influente no país.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.