Edson Fachin prorroga inquérito sobre Romero Jucá

Capa: Jefferson Rudy/Agência Senado

Responsável pela relatoria do inquérito, Edson Fachin prorrogou o prazo após o pedido da Polícia Federal (PF) e a manifestação favorável da Procuradoria-Geral da República (PGR).

O ministro do STF, Edson Fachin, autorizou a prorrogação por 60 dias do prazo para conclusão das investigações da PF em inquérito que investiga o senador Romero Jucá (MDB-RR), aberto após a delação da Odebrecht.

De acordo com informações do G1:

Nessa investigação, Jucá é investigado pelo suposto recebimento de R$ 5 milhões do Grupo Odebrecht após a edição da Medida Provisória nº 627, de 2013, que beneficiaria subsidiárias do grupo que atuavam no exterior. O emedebista nega as acusações.

De acordo com o Ministério Público Federal, Jucá recebeu os valores indevidos para favorecer a Odebrecht e “afirmava falar em nome também do Senador da República Renan Calheiros”.

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *