Português   English   Español

Eduardo Bolsonaro acredita em uma bancada maior do PSL

Filho de Jair Bolsonaro, o deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) acredita que seu partido deve começar 2019 com uma bancada maior do que a eleita.

O PSL elegeu 52 cadeiras no último domingo (7). É a segunda maior bancada, atrás do PT, com 56.

O deputado federal diz esperar a chegada de deputados de siglas pequenas, que não venceram a cláusula de desempenho. Não sabe estimar quantos.

A lei permite a troca de legenda para deputados de partidos que não atingirem um mínimo de votos, sem que a mudança prejudique o mandato.

Segundo um levantamento da Câmara dos Deputados, 14 dos 35 partidos não conseguiram votos suficientes para se adaptar às novas regras eleitorais e, portanto, ficarão sem recursos públicos para os próximos quatro anos.

Em entrevista ao Poder360, nesta quarta-feira (10), Eduardo Bolsonaro declarou:

Tem que sentar, conversar com esses deputados. Não ter arrogância. Dá para articular bastante nesse ponto. Se vai chegar a ultrapassar o PT, não sei.

O deputado admite a possibilidade de formação de um bloco com outros partidos. A aliança permitiria ao PSL ter direitos como mais tempo de fala na Casa e mais poder de negociação pelo comando de comissões.

Com 34 anos, Eduardo Bolsonaro cumprirá a partir do ano que vem seu segundo mandato na Câmara. Dessa vez, entra como o deputado federal mais votado da história, com mais de 1,8 milhões de votos. Ele atribui a marca à fama do pai, a quem se refere-como “Jair Bolsonaro”.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter