Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Eduardo Bolsonaro, o politicamente correto e a Venezuela

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Eduardo Bolsonaro o politicamente correto e a Venezuela
COMPARTILHE

“Estamos tendo um problema agora com a Venezuela e o politicamente correto me impede de falar algumas coisas”, disse Eduardo.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) afirmou que o “politicamente correto” o impede de falar sobre a possibilidade de guerra com a Venezuela.

Eduardo, que é o presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional da Câmara dos Deputados, defendeu a necessidade de fortalecer as Forças Armadas e falou sobre o uso de uma saída militar para a crise no país vizinho.

Eduardo declarou:

“Quem aqui nunca ouviu: o Brasil é um País pacifista, nunca vai entrar em guerra. Para que Forças Armadas? Vai gastar dinheiro com míssil, com tanque e nunca vai usar isso?”

E, segundo o Yahoo, acrescentou:

“Pois bem, estamos tendo um problema agora com a Venezuela e o politicamente correto me impede de falar algumas coisas. Então, tenho que falar que está tudo muito bem, nós nunca entraremos em guerra e podem ficar tranquilos. É claro que é uma ironia que eu estou falando. Não estou confabulando uma guerra até porque não tenho poderes para isso.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram