Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

‘Educação brasileira está horrível’, diz Bolsonaro

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Bolsonaro espera reabertura rápida após revelação da OMS
Imagem: Reprodução/YouTube

Brasil já conheceu três ministros da Educação em um ano e meio de governo Bolsonaro. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou, nesta quarta-feira (2), que a situação da educação do Brasil está ” horrível”. 

Em conversa com apoiadores, na saída do Palácio da Alvorada, em Brasília, Bolsonaro também disse que “talvez escolha hoje” o novo chefe do MEC. 

O presidente vai indicar um novo nome para a vaga aberta pela demissão do professor Carlos Alberto Decotelli, na terça-feira (30).

De acordo com Bolsonaro, “deu problema” com Decotelli, que ficou apenas cinco dias como ministro e nem sequer tomou posse. 

“Talvez eu escolha hoje o ministro da Educação”, disse Bolsonaro aos apoiadores, sem adiantar qualquer nome.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email