Português   English   Español
Português   English   Español

Egito cancela visita de chanceler do Brasil após anúncio de Bolsonaro

Egito cancela visita de chanceler do Brasil após anúncio de Bolsonaro
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O governo do Egito cancelou a visita do chanceler brasileiro Aloysio Nunes após o presidente eleito Jair Bolsonaro indicar a transferência da embaixada em Israel para Jerusalém.

O cancelamento foi confirmado pelo gabinete de Aloysio Nunes, em Brasília.

A decisão chegou acompanhada de desculpa corriqueira na diplomacia: problemas de agenda.

Mas, segundo informações da revista Veja, o recado foi absorvido pelo ministério em sua versão real: a proposta do presidente eleito Jair Bolsonaro para mudar a embaixada brasileira para Jerusalém equivale ao reconhecimento da soberania de Israel sobre a cidade sagrada.

Esta posse não é reconhecida pelas Nações Unidas e tem sido um dos temas de disputa com a Autoridade Palestina, que demanda Jerusalém Oriental como sua capital.

Egito é um dos principais parceiros comerciais do Brasil no Oriente Médio. Entre janeiro e setembro deste ano, o país exportou US$ 1,5 bilhão para o Egito e importou desse país US$ 157 milhões, o que rendeu um saldo comercial de US$ 1,33 bilhão.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!