Egito descobre cidade perdida de 3,4 mil anos de idade

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

A cidade perdida de Aten foi localizada em uma região próxima ao Vale dos Reis.

O governo do Egito anunciou, nesta quinta-feira (8), a descoberta de uma cidade perdida de cerca de 3,4 mil anos de idade.

A vila está localizada nos arredores da cidade de Luxor, a 770 quilômetros ao sul do Cairo, perto de alguns dos monumentos mais conhecidos do país. 

Os arqueólogos disseram que o achado pode ser o mais importante em quase 100 anos.

Conhecida como Aten, a cidade teria sido fundada pelo rei Amenhotep III, que governou o Egito de 1391 a 1353 a.C. 

Os cientistas acreditam que o local, na margem ocidental do rio Nilo, foi um dos principais centros urbanos do país naquela época.

Boa parte das ruas da cidade têm casas com paredes ainda preservadas, algumas com mais de 3 metros de altura. 

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.