‘Egoísmo’, diz Macron sobre quem recusa vacina

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Macron emitiu uma “mensagem muito forte” para “que todos sejam vacinados”.

O presidente da França, Emmanuel Macron, argumentou que se recusar a ser vacinado contra a Covid-19 não é “liberdade”, mas “irresponsabilidade” e “egoísmo”.

Durante uma visita à Polinésia Francesa, neste domingo (25), Macron afirmou que, embora “todos sejam livres para se expressar“, não existe “liberdade onde não se deve nada a ninguém“.

Em discurso, Macron declarou:

“Quanto vale a sua liberdade se você me disser ‘não quero ser vacinado’, mas amanhã você infectar seu pai, sua mãe ou eu mesmo?”

O mandatário francês argumentou que a liberdade “se baseia em um senso de dever recíproco”, não em “egoísmo”:

“Isso não é liberdade, é chamado de irresponsabilidade, egoísmo.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.