Português   English   Español

Eleição parlamentar dos EUA define equilíbrio de poder do Congresso

Eleição parlamentar dos EUA define equilíbrio de poder do Congresso

Depois de uma campanha polarizada marcada por embates sobre imigração, os eleitores dos Estados Unidos votam nesta terça-feira (6) para determinar o equilíbrio de poder do Congresso.

As primeiras eleições parlamentares desde que Donald Trump conquistou a Casa Branca em 2016 estão sendo tratadas pela grande mídia como um referendo do presidente republicano.

“Tudo que conquistamos está em jogo amanhã”, disse Trump a apoiadores na noite de segunda-feira (5) em Fort Wayne, no Estado de Indiana.

Todas as 435 cadeiras da Câmara dos Deputados e 35 dos 100 assentos do Senado estão em disputa nesta terça-feira (6) nas eleições. Também serão decididos 36 governos estaduais.

Segundo os institutos de pesquisa, os democratas devem conquistar o mínimo de 23 vagas que precisam para ter a maioria na Câmara, o que lhes permitiria frear a agenda legislativa de Trump e investigar seu governo.

Os republicanos devem manter sua pequena maioria no Senado, que atualmente é de duas cadeiras, preservando assim o poder para aprovar indicações à Suprema Corte e outras instâncias jurídicas.

 

Adaptado da fonte Reuters
Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Assine nossa newsletter...

Inscreva seu e-mail para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Fique tranquilo(a), assim como você, odiamos spam :) Você poderá remover seu e-mail a qualquer momento.

Deixe seu comentário...

Veja também...