Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Em livro didático, China altera passagem da Bíblia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

COMPARTILHE

“Jesus apedrejou a pecadora até a morte, dizendo: ‘Eu também sou um pecador’”, diz texto alterado por livro chinês.

No texto original, após uma mulher ser conduzida até Jesus, este responde aos fariseus e escribas: 

“Quem de vós estiver sem pecado, seja o primeiro a lhe atirar uma pedra.”

Após todos os acusadores irem embora envergonhados, o próximo diálogo é o seguinte:

“Então, ele se ergueu e vendo ali apenas a mulher, perguntou-lhe: ‘Mulher, onde estão os que te acusavam? Ninguém te condenou?’ Respondeu ela: ‘Ninguém, Senhor’. Disse-lhe então Jesus: ‘Nem eu te condeno. Vai e não tornes a pecar’.”

De acordo com a Union of Catholic Asian News, um livro escolar, que foi publicado pela Universidade de Ciência Eletrônica e Imprensa Tecnológica, uma instituição controlada pelo regime comunista, alterou drasticamente esta passagem bíblica.

O texto do livro escolar chinês apresenta a seguinte versão:

“Quando a multidão desapareceu, Jesus apedrejou a pecadora até a morte, dizendo: ‘Eu também sou um pecador. Mas se a lei só pudesse ser executada por homens sem mancha, a lei estaria morta.’”

De acordo com a fonte, o livro didático chinês visa ensinar “ética profissional e lei” aos estudantes das escolas secundárias vocacionais.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram