- PUBLICIDADE -

Em meio à guerra comercial, Brasil elogia EUA na OMC

Em meio à guerra comercial, Brasil elogia EUA na OMC
- PUBLICIDADE -

O Brasil felicitou os Estados Unidos por considerar que o país mantém, no geral, um regime comercial aberto, com exceção da agricultura.

Enquanto isso, vários parceiros de peso acusaram, nesta segunda-feira (17), o governo de Donald Trump de unilateralismo e protecionismo, no exame da política comercial americana na Organização Mundial do Comércio (OMC), registra o “Valor Econômico“.

Considerado como o principal responsável pela crise sem precedentes na OMC e pela guerra comercial, Trump foi duramente atacado em discursos por parte de outros governos em Genebra.

O Brasil, ainda que tenha levantado críticas sobre os tradicionais subsídios americanos, fez questão de destacar os benefícios do comércio bilateral.

O embaixador do Brasil na OMC, Alexandre Parola, declarou:

Os EUA foram historicamente um dos líderes do regime multilateral, inclusive na OMC. Seria menos que justo não reconhecer esse fato. Nós certamente não acreditamos que tais regimes sejam perfeitos. Não o são e damos as boas vindas a reforma-lo e aperfeiçoa-lo.

No discurso, o Itamaraty também destacou a importância dos EUA como um “parceiro chave do Brasil, tanto em termos bilaterais como no G20 e na OMC”, registrou o “Estadão”.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -