Em resposta a arcebispo, Bolsonaro diz que ter arma é ‘liberdade’

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Só os marginais e os bandidos tinham arma de fogo no Brasil”, diz Bolsonaro.

O presidente Jair Bolsonaro disse que no Brasil só bandido anda armado e comparou a posse de arma com a liberdade. 

O comentário foi feito após ser confrontado por autoridades católicas sobre a liberação da compra de armas.

Nós devemos nos preocupar com nossa liberdade, o bem maior de uma nação. Sem liberdade não há vida”, disse Bolsonaro. 

Na última terça-feira (12), durante celebração de missa em Aparecida, o arcebispo dom Orlando Brandes afirmou que “pátria amada não é pátria armada”.

O que acontecia no Brasil é que só os marginais e os bandidos tinham arma de fogo. Não pude aprovar a lei como queria, mas alteramos decretos e portaria para que a arma de fogo seja uma realidade”, acrescentou Bolsonaro.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.