Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Embaixador da China nos EUA destaca ‘transparência’ do regime

China acusa EUA de 'brincar com fogo' sobre Taiwan
COMPARTILHE

“Acho que deveríamos esperar mais do que apenas uma pausa nas tensões”, disse o diplomata chinês.

O embaixador da China nos Estados Unidos pediu uma análise profunda das relações entre as  duas maiores economias do mundo diante da pandemia do coronavírus.

Em entrevista à agência Bloomberg, na terça-feira (21), o diplomata Cui Tiankai declarou:

“Acho que deveríamos esperar mais do que apenas uma pausa nas tensões, mas realmente um sério repensar dos próprios fundamentos deste importante relacionamento [entre EUA e China].”

Em meio aos comentários críticos de políticos norte-americanos, inclusive do presidente Donald Trump, sobre a forma como Pequim lidou com o início da crise, o embaixador defendeu o “histórico de transparência da China”.

Cui disse que o país compartilhou todas as informações que possui com a Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Ainda durante a entrevista, o diplomata chinês passou a criticar figuras do cenário político dos EUA por “não prestarem atenção suficiente às opiniões dos cientistas”.

Cui disse que os políticos norte-americanos estão mais “preocupados em seus esforços de estigmatização e acusação infundada” contra a China. 

Apesar da campanha do Partido Comunista Chinês (PCC) para tentar se desvincular da origem da pandemia, informações publicadas nos últimos dias sobre o Instituto de Virologia de Wuhan prejudicaram ainda mais a imagem chinesa nos últimos dias.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE