Erdogan quer prisão perpétua para opositores na Turquia

Idiomas:

Português   English   Español
Erdogan quer prisão perpétua para opositores na Turquia
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O Ministério Público da Turquia pediu nesta quarta-feira pena de prisão perpétua para 16 pessoas acusadas de “tentativa de derrubar o governo” por participarem de protestos em 2013.

O regime islâmico de Recep Tayyip Erdogan considera que os acusados coordenaram e financiaram os protestos de 2013, que se transformaram nas maiores manifestações civis da Turquia em décadas.

Entre os 16 acusados estão:

  • Osman Kavala, conhecido empresário e filantropo;
  • Mücella Yapici, arquiteta;
  • Can Dündar, jornalista;
  • Mehmet Ali Alabora, ator.

Excetuando um acidente, nenhum membro das forças de segurança da Turquia morreu durante os protestos, mas foram contabilizados oito manifestantes mortos.

Erdogan segue procurando maneiras de punir e isolar os seus opositores. Milhares de pessoas já foram presas e mais de 140.000 foram demitidas ou afastadas de seus empregos, como noticiou a RENOVA.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as últimas notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque