Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Erro na correção do Enem terá ‘impacto baixo’, diz Weintraub

Ministro da Educação destaca que educação básica é prioridade
COMPARTILHE

“O impacto é baixo e não vai ter nenhum efeito para a maioria das pessoas”, disse Weintraub sobre erros no Enem.

Abraham Weintraub, ministro da Educação, afirmou, nesta segunda-feira (20), que cerca de 6 mil participantes da edição 2019 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foram afetados por erro na correção da prova.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, Weintraub disse que o impacto é “baixo” e as notas serão corrigidas diretamente na plataforma até o fim desta segunda:

“A gente já tem o número de pessoas [afetadas pelo erro] e vai ser corrigido hoje à noite.”

O ministro acrescentou:

“Estamos falando de 0,1% dos participantes, isso dá cerca de 5 ou 6 mil candidatos. Os problemas serão corrigidos. O impacto é baixo e não vai ter nenhum efeito para a maioria das pessoas.”

De acordo com o titular do MEC, o erro seria da impressora da gráfica Valid, responsável por diagramar, manusear, embalar, rotular e entregar aos Correios os cadernos das avaliações:

“Aparentemente, não foi uma coisa de má-fé, foi um acidente, coisa que acontece. Não depende da minha avaliação. A gente vai ver legalmente o que fazer.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE