Português   English   Español

Escândalo da Odebrecht avança na República Dominicana

O Ministério Público da República Dominicana anunciou na quinta-feira (7) que apresentou acusações contra sete pessoas por envolvimento no caso Odebrecht.

O procurador-geral, Jean Alain Rodríguez, disse em entrevista coletiva que têm provas contra sete pessoas de propinas, enriquecimento ilícito e lavagem de dinheiro, por isso está apresentando uma acusação formal e solicitando auto de abertura para julgamento, mas que não encontraram evidências contra outros oito ex-funcionários e legisladores.

Os sete dominicanos que serão submetidos à Justiça:

  • Senador Tommy Alberto Galán
  • Ex-ministro de Obras Públicas Víctor Díaz Rúa
  • Ex-presidente do Senado Porfirio Andrés Bautista García
  • Ex-presidente do Senado Jesús Vásquez
  • Ex-senador Roberto Rodríguez Hernández
  • Advogado Conrado Pittaluga Arzeno
  • Empresário Ángel Rondón, nomeado pelo Ministério Público como a pessoa que recebeu e distribuiu os propinas.

O procurador Rodríguez afirmou:

Podemos afirmar de maneira clara e precisa, que este grupo (os sete) recebeu propinas. Comprovamos de maneira irrefutável que apresentam um patrimônio que simplesmente não podem justificar.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter