Escola na Dinamarca cancela festa de natal para não ofender estudantes muçulmanos

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Vários pais reclamaram da medida tomada pela escola primária no leste da Dinamarca que cancelou a tradicional celebração de Natal.

A escola Gribskolen tomou a decisão devido à presença de estudantes com origens imigrantes. A diretora da escola, Marianne Vederso, falou sobre o assunto:

Tomamos esta decisão porque temos filhos que não são cristãos e a decisão sobre querer participar da festa deve ser deixada para as próprias famílias.

Políticos dinamarqueses criticaram a escola após a decisão de cancelar os eventos e a grande mídia, por incrível que pareça, também deu atenção ao caso.

Um dos pais com duas filhas na escola disse:

Não vejo por que nossa tradição deve ser tirada de nós, só porque alguém na escola acredita em outra coisa. Venho de uma pequena comunidade, onde a igreja é importante e essas tradições são lindas. Lembro-me de ter me divertido quando criança e elas são uma parte fundamental do Natal.

 

Com informações de: (1)

 

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.