Português  English  Español  Español
Português  English  Español  Español

Escola francesa no Líbano é obrigada a se desculpar por colocar Israel no mapa

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O Líbano e Israel continuam tecnicamente em estado de guerra, e a lei libanesa não permite reconhecer Israel de maneira alguma, até mesmo nos mapas.

A polêmica começou no Facebook, quando o pai de uma menina de nove anos publicou a imagem do mapa mostrando Israel: “Isto é o que a minha filha do quarto ano aprendeu na escola hoje”.

A escola particular foi obrigada a pedir desculpas, dizendo que respeita totalmente a soberania e história do Líbano e sublinhou seu cumprimento do programa oficial.

O membro do parlamento, Wael Abu, pediu para avaliar a direção da escola e tomar as medidas necessárias caso seja descoberto que a instituição viola as identidades políticas e culturais do Líbano e da Palestina.

 

Com informações de: (1)

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias