Esfaqueador de Bolsonaro esteve na Câmara em 2013

Idiomas:

Português   English   Español
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O militante de esquerda Adélio Bispo de Oliveira, que tentou assassinar Jair Bolsonaro, esteve na Câmara dos Deputados no dia 6 de agosto de 2013.


A entrada do esfaqueador foi registrada na portaria do Anexo IV, segundo dados obtidos pelo deputado Fernando Francischini a pedido de O Antagonista.

Ainda não há detalhes sobre quem Adélio teria visitado nem o motivo de sua presença. Ele era então filiado ao PSOL, que tinha três deputados: Jean Wyllys, Ivan Valente e Chico Alencar.

Francischini acaba de protocolar requerimento de informações ao presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a fim de obter detalhes da visita do agressor, assim como imagens. O deputado também encaminhou as informações à Polícia Federal, que investiga o atentado.

Abaixo, imagem de Adélio em frente à Câmara (reprodução do Facebook).

Foto: Reprodução / O Antagonista
Adaptado da fonte O Antagonista

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...