Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Espanha dissolve Parlamento e convoca novas eleições

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Espanha dissolve Parlamento e convoca novas eleições
COMPARTILHE

Sem o apoio de outros partidos, o candidato socialista e presidente do governo interino, Pedro Sánchez, não pôde ser reeleito.

A Espanha teve o Parlamento dissolvido nesta terça-feira (24) e novas eleições foram oficialmente convocadas para o dia 10 de novembro.

A movimentação acontece um dia após expirar o prazo para a formação do governo devido à falta de acordo entre os partidos.

O Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) venceu as eleições de 28 de abril. No entanto, as 123 cadeiras conquistadas não foram suficientes para governar sozinho. O Parlamento espanhol tem 350 cadeiras ao todo.

As eleições do dia 10 de novembro serão as quartas em quatro anos, o que mostra a instabilidade política vivida pela Espanha.

O novo processo eleitoral durará 47 dias, com uma campanha mais curta que o habitual, de apenas oito dias, como determina a lei espanhola para o caso de repetições eleitorais, como é o caso, informa a agência EFE.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram