“Especialista” diz que dólar sobe junto com Jair Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“A alta do dólar ontem após a divulgação de uma pesquisa eleitoral reforça o que muita gente comenta no mercado financeiro”, de acordo com a jornalista Miriam Leitão.

Em matéria intitulada “Risco Bolsonaro” publicada no jornal O Globo, Miram Leitão diz que Jair Bolsonaro “não é visto como um político capaz de tocar a agenda de reformas. Não só pelo seu histórico de votações no Congresso, mas pela pouca capacidade de diálogo”.

Ela cita Nathan Blanche, sócio da Tendências Consultoria e especialista em câmbio, como referência para destacar que “o cenário para o dólar no país é binário: a moeda deve disparar ou voltar para próximo de R$ 3,00. Tudo dependerá das eleições”.

O especialista avalia que se nada mudar no cenário eleitoral nos próximos dois meses, isto é, se Bolsonaro mantiver a liderança da corrida presidencial, o dólar poderá romper a casa de R$ 4,00.

Nathan Blanche explicou:

O que temos hoje são duas candidaturas populistas liderando as pesquisas. Uma de direita, outra de esquerda. O mercado de câmbio oscila em função disso, por causa da forte crise fiscal. Há pouca relação com os fundamentos do mercado de câmbio porque o país tem reservas de US$ 380 bilhões, baixo déficit em conta-corrente e fluxo cambial positivo.

 

Com informações de O Globo

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.