Esquerda dos EUA não quer “Em Deus Nós Confiamos” nas escolas

Um projeto de lei que permitiria que o lema nacional – “Em Deus Nós Confiamos” – fosse exibido nas escolas de Minnesota, foi duramente criticado por senadores democratas.

O senador Scott Dibble e o senador John Marty expressaram ferrenha oposição à legislação no plenário.

‘Eu estou querendo saber se o autor do projeto sentiria o mesmo se os estudantes entrassem e, ao invés da palavra ‘Deus’, fosse a palavra ‘Allah’ – que é a palavra para Deus na religião muçulmana – dando as boas vindas aos estudantes em suas escolas’, disse o senador Dibble.

Outro senador esquerdista, John Marty acrescentou:

“O dinheiro na minha carteira já diz ‘Em Deus Nós Confiamos’. Acho que isso é ofensivo”.

O senador republicano Dan Hall, autor do projeto, disse ao programa “Fox & Friends” no domingo (6) que não antecipou a reação negativa que seu projeto de lei recebeu dos democratas.

Eu achei que a oposição seria muito branda. Quando eu comecei a ouvir mais e mais, eu pensei, sério? Eles não querem isto nas escolas deles?

O lema, que seria exibido em formato de pôster, seria pago através de fundos privados, de acordo com a CBS Minnesota.

“Minha premissa foi: que tal trazer respeito às escolas? Perdemos muito respeito por estas coisas da vida que deveríamos respeitar”, disse Hall.

Hall também alertou que mencionar Deus nas escolas é atualmente controverso para a esquerda por causa do “movimento anti-fé” no país.

‘Eu apenas assumo que se você tirar essas coisas do governo, se você tira as coisas que são respeitosas, você vai colocar algo diferente. Precisamos trazer o respeito de volta ao nosso país’, finalizou o senador.

 

Matéria traduzida e adaptada de Fox News
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *