Esquerda dos EUA tenta interferir na eleição brasileira

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

O ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, pediu para os eleitores do Brasil não votarem orientados pela raiva e o ódio.

O membro do Partido Democrata, Bill Clinton, foi presidente dos Estados Unidos de 1993 até 2001.

Nesta sexta-feira (21), o ex-presidente norte-americano alertou os brasileiros do risco de tomar decisões orientados pela raiva e pelo ódio, às vésperas de uma das eleições presidenciais mais polarizadas da história.

Ao lado do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em evento repleto de investidores, Bill Clinton declarou:

Não tente tomar uma decisão quando você está nervoso, você nunca toma decisões acertadas.

E acrescentou:

Em um país como este, quando há raiva, ressentimento, não há boas decisões. Também penso isso a respeito dos Estados Unidos, mas acredito que vamos voltar a fazer as coisas todos juntos (pessoas de partidos diferentes).

Cerca de dois anos atrás, a sua esposa Hillary Clinton foi derrotada pelo republicano Donald Trump nas eleições de 2016 utilizando um discurso semelhante para convencer os eleitores americanos.

 

Adaptado da fonte Folha

 

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.