Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Estados do Brasil negociam tecnologia de segurança e de água com Israel

Estados do Brasil negociam tecnologia de segurança e de água com Israel
COMPARTILHE

Antes mesmo de Jair Bolsonaro se tornar presidente eleito com um discurso de aproximação com Israel, governos estaduais já articulam contratos ambiciosos de compra de tecnologia do país judeu.

As negociações abrangem desde a aquisição de dessalinizadores a equipamentos de segurança, como armas e drones.

A expectativa é que esses contratos sejam assinados no começo de 2019, impulsionados pelo discurso a favor de Israel do governo federal.

Desde a campanha presidencial, Jair Bolsonaro e seus aliados têm promovido um alinhamento com o governo israelense. Entre os acenos feitos, está a controversa intenção de mudar a embaixada brasileira de Tel Aviv para Jerusalém.

Atualmente, o Brasil registra déficit comercial com Israel e superávit com os países árabes. A aproximação com Israel é vista com receio por alguns setores, como os produtores de carne bovina e de frango, que temem uma retaliação de seus principais importadores.

Alheios a essa polêmica, estados como Bahia, Maranhão e Rio de Janeiro têm caminhado para negociações com o país.

O governador eleito do Rio, Wilson Witzel, por exemplo, viajou recentemente para Israel onde conversou com autoridades sobre possíveis intercâmbios tecnológicos, conforme noticiou a Renova.

Adaptado da fonte UOL

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários