Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Estátua de jornalista italiano é vandalizada em Milão

Estátua de jornalista italiano é vandalizada em Milão
COMPARTILHE

Mais um país da Europa está sofrendo com os ataques de vândalos contra monumentos históricos.

Um monumento em homenagem ao jornalista italiano Indro Montanelli (1909-2001), localizado no jardim de um parque homônimo, no centro de Milão, na Itália, foi pichado e manchado de tinta vermelha.   

As palavras “estuprador” e “racista” foram escritas¹, neste sábado (13), na base da estátua. 

Montanelli, que faleceu em 2001, admitiu, em entrevista à emissora Rai em 1969, que havia comprado uma garota, de 12 anos, no Chifre da África, na década de 1930, quando o regime fascista de Benito Mussolini tentava estabelecer um império com a conquista da Etiópia.   

Grupos alinhados à extrema-esquerda reivindicaram o ato, ressaltando que “um colonialista que fez da escravidão uma parte importante da sua atividade política não pode e nem deve ser celebrado na praça pública”.   

Por outro lado, o prefeito de Milão, Giuseppe Sala, disse acreditar que a estátua de Montanelli deve permanecer lá:

“Quando julgamos nossas vidas, podemos dizer que a nossa é impecável, sem coisas que eu não faria de novo? Levanto minhas mãos, na minha vida não cometi erros e coisas que gostaria de não ter feito. Mas a vida continua a julgar por sua complexidade. Por todas essas razões, acho que a estátua deve permanecer lá.”

Esta não é a primeira vez que a estátua do jornalista é alvo de vandalismo. A promotoria de Milão abriu, neste domingo (14), uma investigação sobre o caso.

Referências: [1]

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários