Português   English   Español
Português   English   Español

Estupro coletivo reacende diálogo sobre maioridade penal na Alemanha

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Estupro coletivo reacende diálogo sobre maioridade penal na Alemanha

A maioridade penal na Alemanha é de 14 anos — ou seja, o país não processa criminalmente pessoas com idade inferior a essa.

O estupro coletivo de uma mulher de 18 anos reacendeu o debate sobre a redução da maioridade penal na Alemanha.

Os principais suspeitos de terem cometido o crime brutal são jovens. Dois deles têm apenas 12 anos — outros três têm 14. A vítima foi levada ao hospital após ser encontrada em um matagal.

Até agora, apenas um dos envolvidos no estupro compareceu perante a um juiz de instrução. Não há informações oficiais sobre a defesa deles nem se os cinco suspeitos confessaram ou negaram a acusação.

Um porta-voz da polícia alemã afirmou que o estupro foi praticado com “considerável violência” e durou um “tempo prolongado”, informa o site G1.

O chefe do sindicato das forças policiais, Rainer Wendt, usou o crime como estopim para pedir a redução da maioridade penal no país.

“Há anos que estamos exigindo que a idade da responsabilidade criminal seja reduzida na Alemanha”, disse Wendt.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email:

Fique tranquilo(a), assim como você também odiamos spam, você poderá sair quando quiser :)

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias_

Pátria Educadora. Garanta sua vaga!