Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

EUA acusam militares da China de vazar dados de americanos

Trump anuncia acordo comercial preliminar entre EUA e China
COMPARTILHE

Casa Branca acusa militares chineses de vazar milhares de dados pessoais de norte-americanos.

O governo dos Estados Unidos indiciou quatro oficiais militares da China por ataque hacker contra a agência de crédito americana Equifax.

Em setembro de 2017, mais de 200 mil pessoas — quase 150 mil americanos — tiveram informações de seus cartões de crédito vazadas na internet.

O procurador-geral dos EUA, William Barr, classificou o caso como um dos maiores vazamentos de dados da história.

De acordo com Barr, o ataque “não apenas causou danos financeiros significativos a Equifax, mas invadiu a privacidade de muitos milhões de americanos e impôs-lhes custos e encargos substanciais, pois precisaram tomar medidas para se proteger contra roubo de identidade”. 

Os quatro militares chineses indiciados são, supostamente, membros do 54º Instituto de Pesquisa do Exército da Libertação Popular, informa o jornal Gazeta do Povo.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários