Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

EUA aplicam sanções contra chanceler da Venezuela

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
EUA aplicam sanções contra chanceler da Venezuela

O governo Donald Trump disse que continuará sua ofensiva contra a cúpula da ditadura de Nicolás Maduro, “incluindo aqueles encarregados de conduzir a diplomacia”.

O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos impôs sanções econômicas nesta sexta-feira (26) ao chanceler venezuelano Jorge Arreaza.

O secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, declarou:

“Os Estados Unidos não vão ficar apenas olhando o ilegítimo regime de Maduro privar o povo venezuelano de sua riqueza, sua humanidade e seu direito à democracia.”

Washington está impulsionando uma série de sanções contra a ditadura de Nicolás Maduro e várias instituições políticas e financeiras da Venezuela.

As sanções anunciadas nesta sexta também afetam a juíza Carol Padilla.

Segundo a ISTOÉ, Mnuchin acrescentou:

“Como resultado das sanções de hoje, todas as propriedades desses indivíduos e qualquer propriedade que eles tenham, direta ou indiretamente, em uma porcentagem de 50% ou mais, que estejam nos Estados Unidos ou em posição ou controle de pessoas nos Estados Unidos estão bloqueados.”

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email