Português   English   Español
Português   English   Español

EUA, China e Rússia avançam desenvolvimento de armas hipersônicas

EUA, Rússia e China avançam desenvolvimento de armas hipersônicas
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Os mísseis hipersônicos são impulsionados por foguetes a alta altitude e podem ser lançados a partir de terra, mar ou ar. Eles voam muito mais rápido do que qualquer outra arma.

Rússia e China estão avançando no desenvolvimento de veículos hipersônicos, que voam bem mais rápido do que a velocidade do som, que é de 343 metros por segundo.

Depois de liderar o desenvolvimento dessa área de tecnologia por décadas, os Estados Unidos se encontram atrás e investem pesadamente na tecnologia para tentar acompanhar.

Por outro lado, China e Rússia estão cada vez mais interessadas em armas hipersônicas nos últimos anos.

Desde 2005, os chineses vem investindo em várias novas e impressionantes instalações de testes hipersônicos. Pequim também conduziu mais testes de voo hipersônico recentemente do que os EUA.

O presidente russo, Vladimir Putin, afirmou recentemente que o exército de seu país começará a usar uma arma hipersônica chamada Avangard em algum momento de 2019.

Ainda não está claro quando esses países poderão implantar armas hipersônicas em números significativos, e é por isso que os EUA aproveitaram esse momento para intensificar seus esforços, informa a Gazeta do Povo.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...