PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

EUA criticam ‘coerção’ da China no sudeste asiático

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Chanceler dos EUA fez o alerta em reunião virtual da Asean.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O governo dos Estados Unidos rejeitou as reivindicações marítimas “ilegais” de Pequim sobre o Mar do Sul da China.

A declaração foi feita pelo chanceler americano, Antony Blinken, nesta quarta-feira (14), durante videoconferência com chanceleres da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean).

A reunião com o bloco de 10 membros é a primeira desde que o presidente dos EUA, Joe Biden, tomou posse, em janeiro.

Blinken acrescentou que os EUA estão ao lado de países do sudeste asiático que enfrentam a “coerção” chinesa.

Por outro lado, como de costume, a China rejeitou os comentários de Blinken, rotulando-os de irresponsáveis e concebidos para provocar discórdia.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.