- PUBLICIDADE -

EUA denunciam repressão aos manifestantes em Belarus

Mais de 400 presos em protesto contra Lukashenko em Belarus

Governo Trump fala em “relatos confiáveis de abusos em grande escala” em Belarus.

- PUBLICIDADE -

O governo dos Estados Unidos demonstrou preocupação com os esforços de Belarus para sufocar os direitos humanos e as liberdades fundamentais da população. 

A repressão contra manifestantes pacíficos, jornalistas e membros da oposição resultou em mais de 12 mil detenções, centenas de pessoas hospitalizadas e pelo menos cinco mortes.

Em comunicado oficial, a missão dos EUA nas Nações Unidas (ONU) afirmou:

“Estamos seriamente preocupados com relatos confiáveis de abusos em grande escala, maus-tratos e condições desumanas para os detidos; bem como a detenção e exílio forçado, desaparecimento e sequestro de membros do Conselho de Coordenação Nacional.”

E acrescentou:

“Instamos o governo bielorrusso a iniciar imediatamente um diálogo irrestrito com a oposição, realizar eleições livres e justas monitoradas internacionalmente, libertar todos os detidos injustamente e permitir o acesso do Relator Especial da ONU ao país.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -