PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

EUA deportará militares da Arábia Saudita após ataque na Flórida

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“21 militares vão receber baixa do seu plano de estudos na academia militar americana e voltarão à Arábia Saudita”, disse procurador-geral dos EUA.

O governo dos Estados Unidos enviará de volta à Arábia Saudita 21 cadetes do reino que faziam treinamento no país.

Em comunicado do Departamento de Justiça, nesta segunda-feira (13), o procurador-geral dos EUA, William Barr, confirmou que o ocorrido em uma base naval da Flórida, no último mês de dezembro, foi um ataque terrorista.

“Os 21 militares vão receber baixa do seu plano de estudos na academia militar americana e voltarão à Arábia Saudita”, disse Barr.

“Soubemos que 21 membros das forças armadas sauditas que treinavam em nosso território tinham material suspeito”, acrescentou o procurador-geral durante uma coletiva de imprensa em Washington.

No último dia 6 de dezembro, Mohammed al-Shamrani matou três pessoas e feriu outras oito na base naval e aérea de Pensacola, ao norte da Flórida, antes de ser morto. 

O militar saudita, de 21 anos, estava “motivado por ideias extremistas”, ressaltou Barr, segundo a agência AFP.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.