Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

EUA destacam redução do narcotráfico na Colômbia

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Colômbia denuncia nova incursão de militares da Venezuela

Governo norte-americano considera o narcotráfico um desastre que afeta toda a região.

Mike Pompeo, chanceler dos Estados Unidos, elogiou, nesta terça-feira (21), os “avanços importantes” que a Colômbia, liderada pelo presidente Ivan Duque, vem realizando para a redução do narcotráfico.

Durante visita a uma base da polícia colombiana de combate aos narcóticos, em Bogotá, Pompeo declarou:

“Temos confiança de que em 2020 o trabalho seja ainda melhor e maior nessa função que estão realizando, ao deter esse desastre para o Estados Unidos, a Colômbia e todo o povo da região. Vamos trabalhar juntos neste nobre avanço.”

Duque, que assumiu a presidência colombiana em agosto de 2018, lançou um programa antidrogas que prevê reduzir pela metade o plantio de cocaína no país entre 2022 e 2023.

Segundo a agência AFP, o ministro de Defesa da Colômbia, Carlos Holmes Trujillo, declarou:

“Esses resultados demonstram o compromisso e a vontade para conseguir derrotar o inimigo comum do narcotráfico.”

A Colômbia é o principal produtor mundial da folha de coca, com 169 mil hectares registrados em 2018. 

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email