Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

EUA enfrentam onda de ataques contra símbolos cristãos

Tarciso Morais

Tarciso Morais

EUA enfrentam onda de ataques contra símbolos cristãos
COMPARTILHE

Símbolos do cristianismo estão sofrendo com vandalismo nos EUA ao longo das últimas semanas.

Ao longo das últimas semanas, em meio à onda de derrubada de monumentos históricos nos Estados Unidos, extremistas passaram a mirar em símbolos do cristianismo.

Foram necessários mais de 50 bombeiros para apagar as chamas da Igreja de São Gabriel, em Los Angeles. No final da operação de combate ao fogo, o prédio da igreja não passava de uma estrutura precária repleta de cinzas. 

“É uma perda trágica para a nossa cidade”, disse o chefe dos bombeiros, Antonio Negrete, segundo a emissora Fox 11

A causa do incêndio ainda está sob investigação, mas a recente destruição de monumentos católicos em território norte-americano será um fator na investigação, disse Negrete.

Enquanto os californianos observavam impotentes a importante igreja queimar, os fiéis da Igreja Católica Rainha da Paz, na Flórida, estavam rezando quando testemunharam um carro invadir a igreja.

Com o início das chamas, o cheiro de fumaça tomou conta do ambiente. Mais tarde, após ser preso, o incendiário, de 23 anos, disse que estava em uma “missão”, segundo o portal Ocala.

Imagem: Reprodução/Ocala

Até mesmo congregações historicamente negras foram alvos de ataques. Os cristãos da Calvary Baptist, em San Diego, observaram o prédio do ministério infantil queimar até o chão depois que um incêndio “suspeito” começou no sótão.

Imagem: Brad Zweerink/Daily Republic

Dias atrás, em Boston e em Nova York, imagens da Virgem Maria foram alvo de vandalismo. Até mesmo uma estátua de Jesus Cristo foi decapitada. 

“O arcebispo Thomas Wenski está solicitando que esta investigação seja considerada um crime de ódio”, disse Mary Ross Agosta, diretora de comunicações da arquidiocese de Miami, à emissora Fox News. “A estátua, localizada fora da igreja, era de propriedade privada e sagrada.”

Imagem: Reprodução/Archdiocese of Miami

Em outro ato de vandalismo, o pastor da Igreja Católica St. Stephen, em Chattanooga, no Tennessee, encontrou uma estátua de Maria decapitada. Eles não localizaram a cabeça da estátua, relata a Agência de Notícias Católica.

O deputado Chuck Fleischmann, do Tennessee, chamou o ato vandalismo de “um ataque perturbador ao catolicismo e à religião”. 

“Espero que os autores sejam levados à justiça, mas também rezo para que eles encontrem o caminho para Deus também”, disse Fleischmann.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.